Justiça nega recurso impetrado pela ex-secretária de saúde Dinha Carvalho

Em mais um capítulo sobre a gestão da Secretaria Municipal de Saúde de Senador Guiomard, a Câmara Cível do Tribunal de Justiça negou o recurso da ex-deputada e ex-secretária de saúde Dinha Carvalho.

Após ser exonerada pelo juízo de primeiro grau, ela através de seus advogados levaram recurso à Câmara Cível, alegando que a decisão estaria relacionado ao cargo pelo qual respondeu ao processo.

O Desembargador Laudivon Nogueira negou o recurso. O procurador de Justiça Cosmo Lima resolveu adotar outra linha, e desfazer os argumentos da Promotora Eliane Misae, se manifestando favorável a permanência de Dinha no cargo.

Como o Ministério Público não julga, apenas emite sua opinião no processo, os desembargadores negaram provimento ao recurso da ex-gestora.

Dinha Carvalho foi condenada por improbidade administrativa acusada do uso de verbas públicas juntamente com o ex-prefeito Marizia, quando fizeram vincular peça publicitária elaborada pelo então Secretário de Comunicação Jairo Carioca, destoando os princípios da administração pública.

Relacionadas:

Pela segunda vez, gestão municipal diz cumprir decisão judicial por demissão de secretária

Justiça manda prefeito André Maia demitir secretária que teve processo tramitado e julgado

Juiz determina novamente que Prefeito André Maia demita Secretária de Saúde