Ibdfam realizará palestra sobre “Novas Conjugalidades e novas Parentalidades”

Evento jurídico discute novas conjugalidades e parentalidades

O Instituto Brasileiro de Direitos de Família – Ibdfam, representação do Acre, realizará em Rio Branco, na quarta-feira (13/12) no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil – OAB, apresentação dos integrantes da Diretoria Executiva no Acre, bem como a palestra sobre “Novas Conjugalidades e Novas Parentalidades” com o palestrante Rodrigo da Cunha Pereira.

Rodrigo da Cunha Pereira é advogado especializado em direitos de família, com ênfase interdisciplinar em psicanálise, professor de direito civil, direito de família da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais – PUC/MG e tem atuação científica política como Presidente nacional do Ibdfam.

O advogado e presidente do Ibdfam no Acre Igor Clem destaca que o evento será de grande importância para os profissionais que atuam na área de família, enfatizando ainda que acontecerá a posse da representação dos dirigentes do instituto no estado. “Será um evento com um palestrante com currículo que corresponderá as expectativas de todos, por isso renovamos o convite”, ressalta.

A carga horária do evento será de 2 horas. Os valores das inscrições variam entre R$ 50,00 ingresso inteiro R$ 40,00 (quarenta reais) para advogados, 30,00 (trinta reais) jovem advogado e 25,00 (vinte e cinco reais) para estudantes e sócios do Idfam. Os locais onde os ingressos estão sendo comercializados são a sede da OAB/AC e sala do advogado no Fórum Barão do Rio Branco.

Sobre o Ibdfam

O Instituto Brasileiro de Direito de Família (IBDFAM) foi criado em 25 de outubro de 1997, em Belo Horizonte (MG), durante o I Congresso Brasileiro de Direito de Família.

Atualmente o IBDFAM já chegou ao associado número 10 mil e reúne entre seus membros advogados, assistentes sociais, defensores públicos, desembargadores, estudantes, promotores e procuradores de Justiça, juízes, psicanalistas e psicólogos. Operadores do Direito do Brasil e do Exterior.

O Instituto é uma entidade técnico-científica sem fins lucrativos reconhecida pelo Ministério da Justiça como de Utilidade Pública Federal que tem o objetivo de desenvolver e divulgar o conhecimento sobre o Direito das Famílias, além de atuar como força representativa nas questões pertinentes às famílias brasileiras.

Desde a sua fundação, vem trabalhando para adequar o atendimento às diversidades e especificidades das demandas sociais que recorrem à Justiça.

O Instituto tem a sua representação consolidada por meio das diretorias estaduais em todos os estados brasileiros. Em 2017, o IBDFAM completa vinte anos de novos paradigmas no campo do Direito das Famílias.

Texto 1: Gilberto Moura

Texto 2: Site do Ibdfam

Fotos: Divulgação do Ibdfam