Connect with us

Cotidiano

Derrotado, no dia 31/12 André Maia perde prerrogativa de foro e deverá ser julgado no primeiro grau pelos seus crimes contra a administração do Quinari

Published

on

O candidato a reeleição, nas eleições 2020, Prefeito André Maia deverá ter dias difíceis após 31/12, quando este perderá a chamada prerrogativa de foro, tendo os seus processos por corrupção durante o mandato como prefeito do Quinari, remetidos para a primeira instância da Justiça Federal.

A suposta orquestração de Maia para ganhar tempo deve lhe prejudicar, pois deverá ser julgado pela Justiça Federal de primeiro grau, longe das amizades construídas no curso do mandato.

Maia responde a ao menos 5 processos criminais, podendo suas penas cominadas lhe render cadeia e perda dos direitos políticos. Quando a matéria é da área cível, ele responde inúmeras ações, que também poderão lhe render a perda dos direitos políticos.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *