Atualizada a Coluna de Olho em 23/05/2017

Olhar a política diferente

Boaventura de Souza escreve em uma de suas obras que olhamos a política de forma depreciativa. Isso devido aos inúmeros casos de corrupção que assola o Brasil. Imagino que se cada cidadão considerado homem e mulher de bem, olhasse a política como forma de contribuir para uma sociedade melhor, teríamos um estado melhor.

Suspensa

A sessão da última terça-feira foi suspensa por falta de quórum. Em atraso, alguns vereadores chegaram e aproveitaram para comemorar o aniversário de dois vereadores em confraternização promovida pela mesa diretora. Segundo uma fonte presente na reunião, os afagos ao presidente e a primeira secretária foram inúmeros.

Agenda no DF

O Prefeito André Maia, seus dois secretários Mendonça e Márcia estiveram acompanhando o mesmo na Macha promovida pela Confederação dos Municípios. Segundo informações, o prefeito e seus secretários não perderam a chance de pedir algo para o município. Na verdade, esses eventos promovidos pela Confederação Nacional dos Municípios ajudam e muito os gestores na condução de seus governos.

Sem relevância

Parte dos vereadores da base aliada já perceberam que sem a condução do parlamento não conseguem barganhar. Por isso trabalham a cada dia para puxar-saco, esquecendo que logo passarão pela aprovação ou não do eleitorado. Cada momento é um momento.

Evento pelas crianças

18 de maio foi o dia de combate à exploração das crianças. Procurei algum evento promovido pela Secretaria de Cidadania e Assistência Social. Resultado, nada foi realizado. Essa agenda é nacional e precisa ser lembrada nos municípios.

Cadastro de reformas de unidades de saúde

Em fevereiro o governo federal através do Ministério da Saúde abriu para propostas voluntária para os municípios através do programa Sismob reformas ou mesmo reconstrução de postos de saúde. Em pesquisa realizada o Portal Quinari não encontrou esse tipo de proposta de Senador Guiomard. Significando assim que a gestão não manifestou interesse. Passando a ouvir o Prefeito André Maia, ele disse que teve sim, inclusive cadastrou a cidade no Mais Médicos.

Telefone convencional

O hospital disponibilizou um telefone convencional para atender as ocorrências. Segundo o Ney do Miltão, isso acontece porque o Governo Federal está cortando verbas para a inúmeras áreas da saúde. Ele disse que para acabar com um problema gritante que era esse contato, resolveu colocar o número já divulgado a disposição da comunidade.