Atualizada a Coluna de Olho em 10/09/2018

Luta pessoal

A comunidade do Quinari já sacou o perfil de alguns diretores de escola que se intitulam salvadores da humanidade, quando há salas em suas unidades de ensino fechadas por falta de alunos. Ficou evidente a luta “pessoal” e não coletiva na causa perdida que visava nada mais, nada menos que a manutenção do cargo de coordenador de ensino, este de livre nomeação e discricionariedade do Prefeito.

Sinteac entrou na fria

Atualizada a Coluna de Olho com o tema dos intocáveis.

A professora Lúcia tem plena capacidade de negociação. Os avanços no que refere a salários da categoria da educação municipal, foram conquistados somente por ela como presidente do Sinteac. Lúcia sabe conversar. Todavia, a pauta pessoal dos diretores de escola, precisa ser estudada pela sindicalista. É um tiro no pé. E alguns ensaiam movimento pelo Prefeito não ceder aos interesses pessoais deste.

Tiro no pé

Alguém me perguntou: – Você sabe para quem é o troféu tiro no pé em 2018? Encabulado eu respondi que não. A pessoa explicou. A vereadora Cláudia (PT) não tinha nada que apresentar aquela emenda na lei de Gestão Escolar. Ela deu um tiro no pé. Perguntei como assim? A pessoa com alguns conhecimentos jurídicos disse-me. Nessa legislatura, o projeto não pode mais entrar em pauta, muito menos o prefeito em sua boa-fé deixar os coordenadores nomeados sem os remunerá-los, pois depois estes poderão ir à justiça contra o município para receberem o que lhe é devido. Confesso que fui pesquisar e a informação e tem lógica.

Magildo Lima

Vereador Magildo Lima (PP)

O vereador Magildo é aquele sujeito que gosta de ir à janela do ônibus quando este já se encontra em viagem. Em vez de casar os votos de federal e estadual do PSD, já vendo uma possível derrota, tenta “chatildamente” se agarrar pela candidatura de federal da Dra Vanda Milani. Uma liderança política local, contou-me que deseja apoiar a candidata, todavia chatildo é um dos problemas que lhe afasta da candidata.

 

Equipe forte

A equipe que foi montada no Quinari pelo deputado Gerlen Diniz (Progressistas), com outra parte do grupo ajudando também o candidato a deputado federal Nelson Sales (Progressistas) poderá lhes render expressivas votações. Os representantes têm amizades e trabalho social.

Branca Menezes do PSDB.

Falta comando próprio

A candidata a deputada estadual Branca Menezes (PSDB) continua com aquela imagem de ser manipulada pelo seu intelectual orgânico. O comentário recente de todas as conversas políticas é que a oposição não se une em um único comitê na campanha para o governo em virtude de um dos principais assessores de Branca não concordar. O problema da Branca Menezes é não ver a chance de crescer em terreno farto, com concorrentes, porém que os respeitam.

Voto que é bom

Não adianta o grupo do deputado Jairo Carvalho (PSD) ficar com ciúme do ex-prefeito James Gomes (Progressistas) por não lhe apoiar. Política é assim mesmo. Na última eleição o Gomes fez a cama e o Jairo Carvalho se deitou.  A minha mãe sempre disse que cama arrumada na vida, à gente só encontra uma vez.  O choro é livre.

Vanderson Mambira

Se tem uma liderança inteligente se preparando para as próximas batalhas eleitorais é o Vanderson Mambira (Democratas). O Mambira é trabalhador, tem suas raízes fincadas no Quinari e poderá ser uma grata surpresa das eleições de 2020. Atualmente ele apóia o candidato Gladson Cameli (Progressistas) com quem tem conversado constantemente.

Mailza Senadora

Caso o candidato ao Governo Gladson Cameli (Progressistas) venha a ser vitorioso como as pesquisas indicam, o Quinari, a famosa terra do amendoim terá pela primeira vez uma senadora. Mailza Gomes é uma mulher sensata e se prepara para representar o estado cursando Direito na Faculdade da Amazônia Ocidental – FAAO.