Alunos reclamam falta de água na escola 15 de Junho no Quinari

Escola segundo consta, foi fechada devido a falta de água potável. Foto circulou em rede social.

Um grupo de alunos incentivados por terceiros, visando desestabilizar o trabalho do coordenador do Núcleo Eudiran Carneiro, fizeram um protesto por água, na escola 15 de Junho alegando que tinham sido dispensado pela falta de água.

Principal articulador do movimento, é militante de pré-candidatura.

O principal articulador é um jovem que milita em favor de uma pré-candidatura, tentando de todas as formas chamar atenção e melhorar a imagem da sua preferida. Não é de hoje que a escola 15 de Junho se transforma em curral eleitoral, cabendo ao Ministério Público maior fiscalização e controle.

Em contato com o Núcleo da Secretaria de Estado de Educação, foi informado que o problema estava sendo tratado diretamente com o gestor da escola e que a demanda da água rapidamente foi solucionada.

Embora a pauta em relação à água seja justa, o movimento finda desmoralizado, pois sabe-se sobre os manipuladores e condutores, que não colocam os rostos nas fotografias e utilizam alunos ainda inexperientes no processo político.